O seu cartão de visita atende a esses 5 critérios?

Os cartões de visita quadrados, redondos, grandes, pequenos são essenciais no mundo dos negócios, das redes e da troca de informações. Sobreviventes da onda digital, esses pequenos pedaços de papelão ainda são tão úteis quando você se acostuma com a rede física.

Infelizmente, é também o festival de invenções excessivamente complicadas que se desviam de seu objetivo original: fornecer detalhes de contato da forma mais simples possível. Aqui está o que me parece importante em um cartão de visita do ponto de vista utilitário e gráfico. A Gráfica Ribeirão Preto pode te instruir corretamente .

PRINCIPALMENTE TEXTO

Tradução: evite fotos e imagens que sobrecarregam seu mapa e o tornam menos legível. A pessoa que o usa geralmente deseja entrar em contato com você, nada mais. Não aproveite para mostrar todo o seu talento gráfico ou para tentar colocar uma ou mesmo várias imagens.

Seu cartão não é uma ferramenta de comunicação, mas sim uma ferramenta de informação. Mantenha a simplicidade, vá direto ao ponto. Você terá o prazer de falar sobre sua profissão pessoalmente ou por telefone.

BOA QUALIDADE, PAPEL GROSSO

Um cartão de visita tem muito valor em sua natureza física. É um objeto que exige sentidos como o tato. É também um objeto que será usado e danificado. Ele merece toda a atenção no que diz respeito ao papel e à sua qualidade.

Procure optar por um papel de no mínimo 300g, ou até mais. Obviamente, depende da sua profissão, mas geralmente o papel granulado e texturizado sempre terá uma aparência muito melhor do que o papel liso ou envernizado. Acredite em mim, um cartão causa uma boa impressão primeiro por seu papel.

UMA BOA HIERARQUIA VISUAL

Um verdadeiro trabalho de designer gráfico, num formato tão reduzido. Pense na ordem em que uma pessoa verá as informações: primeiro o nome da sua empresa, depois o seu nome, a sua profissão e, por fim, os seus dados de contato. É uma questão de layout e trabalho tipográfico. Estruture um elemento tão simples como o texto o melhor possível para direcionar o olhar do leitor.

A chave é o contraste. É necessário jogar com os contrastes de cor, tamanho e espessura do texto para energizar o conteúdo de um cartão e torná-lo mais natural de ler.

SEM EFEITOS COMPLICADOS

Impressão a quente, estampagem, todas essas técnicas de impressão permitem obter efeitos muito bonitos e fazer cartões muito qualitativos. Mas não se esqueça do propósito do seu cartão: ele serve para informar, não necessariamente para impressionar. Se você é um fotógrafo de casamento, a estampagem a quente com relevo será bastante relevante. Muito menos se você vender cestas orgânicas!

ORIGINAL. SÓ UM POUCO.

A sutileza de trabalhar em um cartão de visita é criar uma marca memorável com nosso interlocutor. Que ele associa nossa pessoa ao cartão que acabamos de lhe dar. O destaque no seu cartão de visita se deve às sutilezas, e não aos efeitos visuais complicados.

Lembre-se de manter a simplicidade e ir direto ao ponto. Às vezes, basta quebrar os códigos para se destacar um pouco. Um cartão muito simples já é original em si mesmo. Às vezes é o pequeno toque de cor, o pequeno relevo visível quando você presta atenção nele que faz toda a diferença.

Acesse nosso site: www.graficaribeiraopreto.com.br

Cartões de Visita: https://www.graficaribeiraopreto.com.br/categoria/cartao-de-visita-digital

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *